Arquivo do mês: março 2017

Noturno apaixonado

Que pede o peito que palpita? O toque sutil dum rosto suave, descanso da inesgotável viagem. Vida, surpresa em trilho, perfaz impossível caminho. Curvo e re- vivo esperança ora exaurida. Insisto, minha matéria exige, ao deleite das inconstâncias, verdadeira humanidade … Continuar lendo

Imagem | Publicado em por | Deixe um comentário

O Vendedor

Naquele dia, Zé da Muamba havia realmente dado uma sorte grande. – Olá! Bonjour! How are you? – Bom dia – disse o homem, em um português arrastado que denunciava não ser sua língua de origem. Naquele dia quente de … Continuar lendo

Imagem | Publicado em por | Deixe um comentário

Soneto para despedidas

Em teu ombro repousa a cabeça enternecida pelo afago A calma para que eu esqueça perturbações que comigo trago Deixo-te porque é necessário crepúsculo turva o caminho mas antes olho-te solidário o beijo entorpece tal vinho Mostras tristeza pela saída … Continuar lendo

Imagem | Publicado em por | Deixe um comentário